Eu não sou portuguesa, eu sou do Mundo!

“Tens tanta pena dos refugiados, porque não ajudas os esfomeados portugueses?” Igualzinha à velha lengalenga “tens tanta pena dos animais, porque não ajudas as pessoas?”.

… Esta ideia idiota, de que ajudar uns, nos incapacita para ajudar outros, é de bradar aos céus. Na cabeça desta gente, se somos vegetarianos, não fazemos nada pelo ambiente, não podemos ajudar um velho a carregar os sacos de compras ou dar uma esmola no metro, se abrimos os braços aos refugiados, é porque não abrimos os braços a quem está mais perto, é porque automaticamente descartamos e cuspimos naqueles que estão mais próximos. Pah, por favor, POUPEM-ME! Há que pensar fora dessa caixinha formatada pelo Jornal da uma e pelo Correio da Manhã!

Ajuda é ajuda! O Planeta é de todos, tanto vale um português esfomeado, como um belga esfomeado ou um jamaicano esfomeado! Que importa se um nasceu especificamente neste canto e outro nasceu noutra parte do solo terrestre? Este nacionalismo, este patriotismo completamente falso, xenófobo, preconceituoso ao máximo, arrepia-me!!!!

Ai meu Deus, pela selecção de Futebol, choramos, dançamos, que unidos nós somos!! Mas abrir os braços para receber pessoas que nasceram com um pé fora desta fronteira? O quê??? Alto lá, uma coisa é festejar o futebol, outra é sermos uns idiotas que recebemos FAMÍLIAS DESESPERADAS IGUAIS A NÓS, NÉ?? … A sério??? Impedir gente de dar um passo dentro da terra que é de todos… este é o ponto a que chegamos!!! Mesmo que uma pessoa queira fingir que não ouve, basta andar na rua e ouvir o que o Zé Povinho grita sem pudor.

Eu não tenho vergonha ou orgulho em ser portuguesa, porque sinceramente, cada dia que passa, menos dou importância ao nome do pedaço de Terra onde calhou ter nascido. Eu, hoje, aqui, nem sou portuguesa, sou do mundo, e não tenho especial carinho por alguém que nasceu no Porto, mais do que tenho por alguém que nasceu na Síria ou no Japão! Somos todos filhos da Terra! Todos iguais!

Toca a acordar (está difícil…)

Anúncios

4 comments

    • é engraçado, quando se aboliu o apartheid na áfrica do sul, os brancos gritaram ao sol as mesmas lamurias à cerca do nível de vida… Estavam preocupadissimo.
      Quando os mesmos brancos lá chegaram, bem antes disso, os negros que lá habitavam nem tiveram tempo de pensar: quando olharam à sua volta já estava tudo destruido e já se tinham tornado em animais domésticos ao serviço dos brancos senhores da civilização. O que é que se há de fazer

      Gostar

  1. É tão vergonhoso ver um povo de emigrantes como nós, portugueses, xenófobo desta maneira. É curioso que os próprios imigrantes portugueses em países como a Suíça, onde abundam, são os primeiros a defender as leis de fronteiras fechadas e anti-imigrantes. Os que foram lá comer o pãozinho suíço nas últimas décadas são os que não querem lá mais imigrantes, incluindo portugueses. Devem ter medo que lhes roubem o trabalho… Quando é a nossa vez de partilhar o pão então, somos ainda mais admiráveis. Depois achamos que aqueles que fogem das guerras que o Ocidente cria para nosso beneficio (transporte e exploração de petróleos, etc), não fazem se não levá-las com eles disfarçados de desgraçados. Pelo caminho morrem no Mediterrâneo, à fome, ao frio, espezinhados pelos nossos camaradas da U.E., mas enfim, eles já vinham como bombistas suicidas portanto, melhor assim, ao menos morrem só eles, já que o seu destino já estava traçado.

    Só quem nunca conviveu com refugiados é insensível ao ponto de comentários de tamanha desumanidade como os que referes e os que já alguém fez questão de deixar aqui. Precisamos mesmo de menos jornal da 1 e correio da manhã… É uma vergonha a nossa posição frente a questões tão delicadas. Obrigada por partilhares as tuas opiniões tão necessárias para fazer frente à informação em massa, uma frente mais humana e realista.

    (www.desviagens.wordpress.com)

    Gostar

Grata pelo feedback

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s